Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

De Repente Já Nos...40!!!

O Lado B da Vida

De Repente Já Nos...40!!!

O Lado B da Vida

O Segredo da Juventude para Mulheres

Meninas, esqueçam os cremes caros, as plásticas, as poções milagrosas.

 

Esta conversa entre duas mulheres que apanhei hoje de passagem explica o segredo da eterna juventude.

 

1ª Mulher:  UAU! Nunca diria que já tinhas essa idade. A sério? Muitos parabéns. Não parece mesmo nada.

 

2ª Mulher: É mesmo verdade. Tenho mesmo a idade que te disse. Sabes o meu marido tem menos 18 anos do que eu e não se nota nada.

 

Pára tudo....

 

O Segredo da Juventude é casar com um homem muito mais novo.

 

Saber isto no dia Santo António parece-me um sinal.

 

Esperem aí que eu já volto...e acompanhado de um gajo de 22.

“Muitos de nós não vivemos os nossos sonhos porque estamos demasiado ocupados a viver os nossos medos.”

Ontem quando relia a matéria de um curso que ando a tirar, encontrei esta frase dita por Les Brown escrita no meio do caderno. Mandei um sms a uma prima minha para saber o que ela pensava e numa parte da resposta ela disse "talvez a carapuça me tenha servido".

 

Serão mesmos assim as nossas vidas? Da minha parte acho que um dos nossos maiores medos, tirando obviamente questões de sobrevivência, é que a vida se torne monótona, que nos passe ao lado. Mas os dias, meses e anos passam a correr e quase não damos por isso. Vivemos rodeados de distrações que nos anestesiam da vida.

 

Há cerca de dois meses tirei férias e logo no primeiro dia fiz uma viagem de duas horas para assistir a um casamento, em seguida fui descobrir um restaurante novo e a meio da tarde voltei à terra onde tantos verões felizes passei na minha infância, deve ter sido o dia mais quente do ano até agora e mesmo sem ir preparada, tinha roupa interior que passava por bikini e aproveitei a praia. Ao fim do dia ao fazer novamente duas horas de viagem para regressar a casa tive a sensação que o casamento do fim da manhã já ia longe. Aquele dia que foi acontecendo sem planos pareceu-me ter valido uma semana.

 

Outras vezes dou por mim a sentir-me criativa, com vontade de escrever, de apontar ideias para dar um abanão à minha vida mas depois olho para o lado e penso "já faço isso mais logo, tenho tempo" e vou limpar qualquer coisa em casa, depois vou um qualquer programa que tenha gravado , procurar qualquer coisa fútil na net, ir à rua fazer uma compra que podia completamente ser adiada e quando dou por mim o momento criativo passou e a monotonia ganhou outra vez.

 

E é interessante que tendo agora feito uma pesquisa da palavra monotonia na net, a primeira definição é "sensação de vazio".

 

Dá que pensar.